Rodovias de Bonito terão radares para reduzir morte de animais silvestres

sexta-feira, outubro 24, 2014 Águas de Bonito 0 Comments


Haverá um monitoramento de todas as rodovias estaduais que chegam a Bonito, para identificar os pontos onde ocorrem atropelamento de animais.

A Promotoria de Justiça de Bonito, a Agesul (Agência Estadual de Gestão de Empreendimetnos) e a Seop (Secretaria Estadual de Obras Públicas e Transportes) assinaram acordo sobre os impactos do asfaltamento da rodovia Bonito – Baía das Garças para implantar radares visando evitar a mortandade de animais, placas de conscientização, passagens para a fauna silvestre, além de adotar medidas de proteção dos rios da região.

Também constou no acordo que haverá um monitoramento de todas as rodovias estaduais que chegam a Bonito, para identificar os pontos onde ocorrem atropelamento de animais para que, futuramente, sejam adotadas medias para redução destes danos.

Além disto, também ficou acordado que será implantada uma ciclovia ao longo de toda a rodovia que dá acesso a atrativos importantes como a Gruta do Lago Azul, Gruta de São Miguel, Abismo Anhuma e o Parque Nacional da Serra da Bodoquena. Serão 46 km de ciclovia que poderá inclusive fomentar o cicloturismo na região.

O Promotor de Justiça Luciano Furtado Loubet, ressaltou a importância do acordo: “Este acordo demonstra que o Estado de Mato Grosso do Sul está preocupado em tornar a implantação desta rodovia sustentável, sendo certo que estas medidas além de auxiliar a evitar danos ambientais, também fomentará o turismo no Parque da Bodoquena”.

As questões técnicas incluídas no acordo firmado foram fruto das recomendações feitas pelo Conselho Municipal de Meio Ambiente (COMDEMA), que montou um grupo especialmente para avaliar as medidas cabíveis neste caso.

Assinaram ainda o acordo, como anuentes, representantes do ICMbio, Imasul, Secretaria Municipal de Meio Ambiente e do Município de Bonito.

Fonte: Informações Midiamax

Posts do seu interesse

0 comentários - comente!:

Escreva abaixo seu comentário sobre o artigo.

Caso não seja usuário Blogger, na caixa "Comentar como" selecione Nome/URL(caso não tenha site/blog não é necessário preencher o campo URL)